Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

POETA É O POVO

POESIA

POETA É O POVO

POESIA

31
Mai16

SONHOS


sopa-de-letras

tumblr_lw8dcuy9mv1qe7mxjo1_500_large.jpg

 

Ai como doi matar o sonho !

O sonho nasce, sorrindo em nosso peito.

Vai ganhando forma.

Vai ganhando cor.

Afaga-nos

Quando estamos chorosos.

Acaricia-nos

Quando sofremos.

O sonho

Seca , com um sorriso,

A nossa lagrima mais sentida.

Da-nos força

Para seguir o caminho,

Por mais tortuoso que seja.

O sonho esta la,

Sempre presente,

Ainda que ninguem o veja.

O nosso coraçao sabe,

Que `e o sonho que nos aguenta;

Que nos injecta animo

Para cumprir tarefas.

E `e por tudo isto

Que tudo se transforma

Quando morre o sonho.

Quer seja de morte natural

Ou assassinado.

A escuridao envolve-nos a alma.

A tristeza invade

Todos os nossos recantos

Vem o desanimo

E a gente chega a pensar

Se vale a pena

Continuar a viver.

Vamos vegetando.

Ate que um dia,

Um novo casulo começa a formar-se

E entao...tudo se renova

Ao sentirmos que a borboleta

Furou o casulo

E ja anda esvoacando

Batendo as asinhas.

 

BL 31.05.2016

 

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Arquivo

    1. 2018
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2015
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2014
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2013
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D