Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

POETA É O POVO

POESIA

POETA É O POVO

POESIA

04
Abr21

FERIADOS E DIAS SANTOS


Maria Letras sopa-de-letras

A saudade é minha amiga
Voltando em cada feriado
E em contramão pela vida
Regressamos ao passado

Dias felizes de outrora
De alegria e confusão
Tão diferentes dos de agora
Desta amarga solidão

Quer na Páscoa ou no Natal
Ou qualquer outro feriado
A farta mesa, habitual
E o coração saciado

Toda a família lá vinha
Alguns amigos também
Entre a sala e a cozinha
Era um constante vaivém

Desde que eu era pequena
Que se cumpre a tradição
Dos pais aprendi a cena
Passei depois à acção

Mas nesta era malvada
De vírus e proibição
Está a saudade parada
Dentro do meu coração.

Maria Letras, UK

04.04.2021

cozido.jpg

 



Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Em destaque no SAPO Blogs
pub