Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

POETA É O POVO

POESIA

POETA É O POVO

POESIA

07
Abr20

POBRES DE NÓS


Maria Letras sopa-de-letras

91875679_700395510766435_1138335275978588160_o.jpg

 

 

Que estranha forma de vida

Como a Amália escreveu

Sem suspeitar da partida

Que o destino ao mundo deu

Esta vida é uma viagem

Numa estrada esburacada

Há que ter muita coragem

P'ra seguir a caminhada

Pobres de nós que pensamos

Ser donos do nosso ser

Quando afinal não passamos

De água de rio a correr

Galgamos vales e montes

Contornamos as barreiras

Queremos novos horizontes

Sonhamos outras fronteiras

E nessa insana correria

Não vemos o aproximar

Dessa eterna maresia

Onde vamos desaguar

 

Maria Letras, UK 06.04.2020

07
Abr20

SOMOS MULHERES ...E AMAMOS !


Maria Letras sopa-de-letras

LO.jpg

 

 

Fomos meninas

E amamos

 

Veio a adolescência

E amamos

Namoramos e casamos

E amamos

Geramos e parimos

E amamos

Vieram os filhos

E amamos

Lavámos e cozinhamos

E amamos

Amamentamos e embalamos

E amamos

Corremos para o trabalho

Corremos de volta para casa

E amamos

Fomos o ombro amigo

E amamos

Porto seguro da familia

E amamos

Às vezes maltratadas

E amamos

Chegaram os netos

e amamos

Cuidamos dos nossos velhos

E amamos

Chegamos às últimas páginas do livro

Não queremos incomodar

Queremos apenas ser amadas

 

Maria Letras, UK 06.04.2020

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Em destaque no SAPO Blogs
pub