Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

POETA É O POVO

POESIA

POETA É O POVO

POESIA

10
Set16

IREMOS DE MADRUGADA


Maria Letras sopa-de-letras

tumblr_lkn6fmN6dF1qjuu25o1_500.jpg

 

Eu quero morrer contigo
Tua mão na minha mão
Costas coladas ao chão
Sobre o dourado do trigo
Eu quero teus olhos olhar
Bem na hora da partida
Sentir qual é a medida
E o peso do verbo amar
Eu quero olhar para o céu
Na direccão que tu olhas
Se em pranto o rosto molhas
Tambem quero molhar o meu
Eu quero partir contigo
O mundo sem ti é nada
Iremos de madrugada
Terminara o castigo
E la no céu ha-de haver
Lugar para o nosso amor
Onde o sol se vai pôr
Haveremos de viver
 
MP-25.08.2016
Ciclo do amor

 

10
Set16

VEM AMAR


Maria Letras sopa-de-letras

 

8fffba9a86cc4273af24ddf86a7fb46b.aspx.jpg

 

Vem amar-me velho fado
Salva-me da minha sorte
Envolve-me num “FALADO”
Abraça-me num “DO NORTE”
 
Tu vê só com que ansiedade
Minha alma por ti chama
Vem matar esta saudade
Vamos amar em Alfama
 
Podes trazer um “CORRIDO”
Um “CASTIÇO” ou um “MENOR”
Desde que seja sentido
Cantado com muito amor
 
Vem num fado “MARIALVA”
Ou num velho “MOURARIA”
Vem amar tua guitarra
Com loucura até ser dia.
 
E se por qualquer razão
Vieres num fado “VADIO”
Mais há-de ser a paixão
Mais profundo o desvario
 
MP- 08.09.2016
ciclo do fado

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Pesquisar

Em destaque no SAPO Blogs
pub