POETA É O POVO
POESIA
26
Fev 14

 

Eu nao sei

Qual foi o que me conquistou

Qual deles, para sempre, me prendeu

Qual foi o que, com sorrisos,me cegou

Me congelou, e depois me derreteu

 

Eu nao sei

A qual dos teus demonios me prendi

A qual deles ofereci meu coracao

Se, ao que me fere enquanto me sorri

Se, ao que chora implorando meu perdao

 

Eu nao sei

Se devo ou nao, teus demonios perdoar

Ou se devo aceita-los como sao

Ca do alto do meu grande penar

Vejo como chora o teu pobre coracao

 

E.........Eu nao sei

A qual dos teus demonios expulsar

A qual deles escolher p'ra meu amor

Talvez que, se a todos eu mimar

Tu sejas mais tu, em todo o explendor

publicado por sopa-de-letras às 15:56
tags: ,
Agosto 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
24
26
27
28
29
30
31
posts recentes

EU NAO SEI

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Posts mais comentados
2 comentários
mais sobre mim
pesquisar neste blog
 
links
comentários recentes
Estamos sempre a tempo de ser felizes.
Ta...ta...ok...ta.... I love you...
Jorge Miguel....falamos la dentro ....ta????kkkkkk...
Isabel querida, obrigada pelas tuas palavras. Esto...
Pessoalmente fiquei abismado... nao porque duvide ...
Querida mana do coraçao ,já chega de sofrimento,tu...
Obrigada por visitar e comentar.Sinta-se em casa.
Évora é a nossa Mátria!http://aquem-tejo.blogs.sap...
Muito obrigada pelo seu comentario , meu amigo. Eu...
Olha que surpresa agradável me faz a amiga M.V.Let...
blogs SAPO